Hospital - Santa Casa de Araraquara

 

HOSPITAL

A Santa Casa de Araraquara

A Santa Casa de Araraquara

Fundada em 25 de fevereiro de 1902, a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Araraquara é uma instituição de saúde e educação, privada, filantrópica, credenciada como hospital de ensino.

Para a atual diretoria do hospital, a Santa Casa é um patrimônio afetivo de Araraquara, com uma história centenária, que pertence à sociedade.

 

Cobertura

Dentro do Sistema Único de Saúde (SUS), modelo tripartite – federal, estadual e municipal –, integra a Rede Regional de Atenção à Saúde (RRAS) 13 e o Departamento Regional de Saúde (DRS) III.

Um dos 21 hospitais estruturantes (nível máximo) do Santas Casas SUStentáveis, programa de incentivo do Governo de São Paulo, a Santa Casa de Araraquara é referência em 20 especialidades de alta complexidade para 18 municípios e 606.658 habitantes. Regulado pelo Município e pela Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde (Cross), sistema online da Secretaria Estadual da Saúde, o setor de Urgência e Emergência está inscrito na Rede de Atenção às Urgências e Emergências (RAU), do Ministério da Saúde, como “Hospitalar” Tipo II.

 

Pessoas, estrutura física e tecnologia

Reconhecido por duas vezes consecutivas (2015 e 2016) como uma das melhores empresas para trabalhar em Ribeirão Preto, Araraquara e região pelo Great Place To Work (GPTW), o hospital funciona com 197 médicos, 772 funcionários (assistencial, administrativo e serviços gerais) e 296 estagiários (nove cursos de graduação e três cursos técnicos).

Dispõe de 133 leitos SUS – 96 para hotelaria (quartos), 23 para Urgência e Emergência e 14 para UTI Adulto. Com capacidade para realizar 8,6 mil intervenções por ano, o novo centro cirúrgico tem nove salas, uma delas híbrida (paredes revestidas com material que protege da radiação), e 14 leitos de recuperação.

O Centro de Diagnóstico por Imagem da Santa Casa de Araraquara, com ressonância magnética de 1,5 T e tomógrafo computadorizado de 128 canais para procedimentos com e sem contraste, dentre outros equipamentos, e capacidade para realizar até 140 mil exames por ano, é um dos mais modernos do interior de São Paulo.

Com consultas, exames, quimioterapia, radioterapia e cirurgia, a Oncologia da Santa Casa, habilitada pelo Ministério da Saúde como Unidade de Assistência de Alta Complexidade (Unacon), atende gratuitamente, todos os meses, cerca de mil pacientes que lutam contra o câncer.

 

Serviços

A Secretaria Estadual da Saúde recomenda que hospitais filantrópicos consolidem e mantenham parcerias com operadoras de planos de saúde, mercado que detém cerca de 50 milhões de usuários no País, para otimizar suas receitas.

Seguindo essa premissa, a Santa Casa, além de atendimentos particulares, tem contrato com oito convênios – Amil, Bradesco Saúde, Cassi, Maphre Saúde, Matão Clínicas, São Francisco Saúde, Sul América e Unimed Araraquara.

 

Governança corporativa

A atual gestão profissional de modelo flexibilizado, que combina horizontalidade e compartilhamento de informações e responsabilidades na busca pela eficiência, teve início nos anos de 2009 e 2010, quando a Santa Casa participou do Programa CPFL de Revitalização de Hospitais Filantrópicos, parceria entre a concessionária de energia elétrica e o Governo de São Paulo que, com o apoio da Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes do Estado de São Paulo (Fehosp) e da Secretaria Estadual da Saúde, visa a “elevar o desempenho administrativo dos hospitais filantrópicos e melhorar os serviços de saúde prestados à população”.

Ministrada pelo Centro de Estudos “Augusto Leopoldo Ayrosa Galvão” (Cealag), ligado ao Departamento de Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, e pelo Compromisso da Qualidade Hospitalar (CQH), a consultoria deu à Santa Casa de Araraquara noções básicas de planejamento estratégico, colegiados e indicadores e gerou diversas ações internas no hospital.

Desde 11 de janeiro de 2017, o hospital encontra-se totalmente integrado pelo SOUL MV Hospitalar, sistema que “gerencia informações clínicas, assistenciais, administrativas, financeiras e estratégicas, proporcionando uma visão global da instituição”. Especializada em sistemas de gestão de saúde, a MV fornece soluções para “mais de 1.000 organizações, 100 mil médicos e 275 mil profissionais na América Latina e África”. A Santa Casa de Araraquara é o primeiro hospital filantrópico do Brasil a utilizar o MV com banco de dados hospedado na nuvem.

 

Relevância

A Santa Casa de Araraquara integra o Conselho Consultivo da Confederação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos (CMB), que reúne os 25 principais hospitais filantrópicos do País – a CMB, sediada em Brasília, representa 2.100 hospitais brasileiros.

É também uma das cinco instituições nomeadas pela CMB para compor o Grupo de Trabalho (GT) dos Hospitais de Ensino, ao lado da Santa Casa de Porto Alegre, Santa Casa Bahia, PUC Campinas (Hospital e Maternidade Celso Pierro) e PUC Curitiba (Santa Casa de Curitiba, Hospital Universitário Cajuru e Hospital Nossa Senhora da Luz).


Hospital Santa Casa de Araraquara - Entrada

Hospital Santa Casa de Araraquara - Entrada

  Tags: hospital, santa casa, araraquara



ACESSO RÁPIDO