Hospital - Santa Casa de Araraquara

 

HOSPITAL

Notícias

Revista internacional publica estudo realizado pela Uniara, em parceria com a Santa Casa de Araraquara

10-12-2020




Revista internacional publica estudo realizado pela Uniara, em parceria com a Santa Casa de Araraquara

 

O estudo de orientação científica, desenvolvido entre o laboratório da Universidade de Araraquara (Uniara) e a Radioterapia da Santa Casa de Araraquara, foi publicado na revista internacional Cellulose, revista que objetiva a ciência pura e aplicada da celulose e materiais correlatos com o desenvolvimento de novas tecnologias relevantes, sob o título “Membrana de nanocelulose bacteriana como bolus em radioterapia: ‘prova de conceito’”, na tradução para o português.

 

Bolus é o material disposto no corpo do paciente que otimiza a distribuição de fótons e elétrons de alta energia utilizados para o tratamento de tumores superficiais na radioterapia. O material utilizado hoje, apesar de semelhante a um gel, é rígido e acomoda uma camada de ar entre a membrana e a pele do paciente. Retirada essa camada de ar, é possível desempenhar maior eficácia para o tratamento uma vez que a dose chega mais precisamente ao tumor.

 

O objetivo desta pesquisa foi desenvolver “prova de conceito” a respeito do uso da membrana de nanucelulose bacteriana: membrana natural e com mobilidade superior à do bolus, como os testes demonstraram. O material é, também, completamente biodegradável, portanto, além das vantagens já mencionadas, atua ainda com função social alinhada à idéia de sustentabilidade.

 

A publicação deste artigo significa o primeiro passo para a produção comercial da membrana desenvolvida em parceria entre as instituições, a partir deste momento, a sequência inclui a submissão do material ao pedido de patente, alcançar a certificação pela Anvisa e, então, iniciar a fabricação uniforme.

 

O estudo, com duração de um ano, recebeu contribuições da Santa Casa de Araraquara que incluiram o conhecimento técnico na área, os testes dosimétricos e os exames de tomografia.

 

“A participação do Dr. Guilherme Paulão Mendes  foi de fundamental importância”, segundo o Dr. André Capaldo Amaral, orientador do estudo e coordenador do do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia em Medicina Regenerativa e Química Medicinal da Uniara.  O Dr. Guilherme Paulão Mendes, titular pela Sociedade Brasileira de Radioterapia e médico radioterapeuta na Santa Casa de Araraquara, conclui “esse projeto, em parceria com a Uniara, é mais um passo dado pela Santa Casa de Araraquara rumo ao crescimento em pesquisa, viabilização de melhorias e a eficácia em atendimento oncológico”.

 

O trabalho também recebeu a presença do Dr. Fernando Pereira Vanni, professor da graduação e quem teve participação determinante na realização das imagens; e do Supervisor de Radioproteção e Físico especialista em Radioterapia da Santa Casa de Araraquara, Francisco Carlos Campos Azevedo, quem definiu e supervisionou os testes dosimétricos, que provássem a eficácia do material, e quem avaliou os dados. Os resultados validam a aplicabilidade da membrana de nanocelulose bacteriana como um bolus de alta eficiência para o uso em radioterapia.



ACESSO RÁPIDO